17 janeiro 2006

As melhores sondagens aqui (2)



Fonte: DN-TSF-Marktest – 17-01-2006
(Os resultados brutos não aparecem na edição online do DN, o que viola a Lei Eleitoral; não creio que esta incida apenas sobre a imprensa em papel.)
Dados brutos: Cavaco: 42,9; Alegre: 14,4; Soares: 10,3; Louçã: 5,2; Jerónimo: 5,0; Branco: 4,1; Pereira: 0,6; Não sabe/não responde: 15,5; Não vota: 2,5.
Excluindo os que não vão votar (2,5%), as percentagens redistribuem-se como mostra o gráfico acima, arredondadas às unidades (automaticamente no Excel).
Os candidatos de esquerda somam 37%, contra Cavaco com 43%.
Ainda há 16% de indecisos (Não sabe/ Não responde).
(Ver discussões abaixo.)

P.S. Segundo o artigo explicativo do DN, 7,4% dos que escolhem Cavaco (= 3% do total) admite vir a mudar (3,7 de "incertos") ou está ainda indeciso (3,7 de "indecisos"). À esquerda, entre os que manifestaram uma intenção de voto, os incertos e indecisos estão em maior número nos que preferem Alegre, Louçã e Jerónimo.

4 comentários:

Arrebenta disse...

Até que enfim, um sítio onde as sondagens se aproximam do que deve ser a realidade.
Caraças, custou, mas foi...
Já está nos "links" de The Great Portuguese Disaster :-)

Goncaluskas disse...

Cuidado, esta sondagem não é diferente das outras, diz o mesmo, que é: das pessoas que já decidiram 53% votam Cavaco.

LA disse...

Mas também diz que há 16% de indecisos que vão fazer diminuir a fatia de Cavaco quando de decidirem por um dos outros 5 à esquerda.

Anónimo disse...

16% "Não sabe/Não responde" não significa 16% de indecisos. Muitos dos que não respondem podem já ter tomado uma decisão, mas pura e simplesmente não quererem responder (eu tomei a minha decisão há muito tempo, mas provavelmente não respondia a uma sondagem).